Análise de Vídeo (biomecânica da ATM)

Tempo de leitura: 1 minuto

 

O presente vídeo demonstra perfeitamente os movimentos funcionais da articulação temporomandibular (ATM). Durante a apresentação do vídeo podemos observar algumas desordens articulares responsáveis pelo aparecimento de queixas de dor e desconforto por parte do paciente.

Conforme a apresentação, a ATM é a articulação mais utilizada no corpo, e caracteriza-se por apresentar um disco articular insensível que se desloca juntamente do côndilo mandibular servindo como amortecedor das duas superfícies ósseas.

Este disco está ligado anteriormente ao músculo pterigóideo lateral, e posteriormente continua como tecido retrodiscal, concentrando inúmeros nervos e vasos sanguíneos.

De acordo com o vídeo, o problema mais comum na ATM trata-se do deslocamento anterior do disco articular fazendo com que o tecido retrodiscal seja repuxado entre os dois ossos. Neste caso há um “pinçamento” do côndilo mandibular sobre o tecido retrodiscal, que por ser totalmente inervado e vascularizado causará dor.

Em casos de deslocamento anterior do disco articular, o paciente apresentará dificuldade em abrir a boca e fará relatos de estalos ao realizar o movimento. Felizmente conforme visto no vídeo, o tecido retrodiscal com o tempo sofre uma adaptação, tornando-se um tecido de cicatrização, sendo capaz de substituir o disco funcionalmente.

De qualquer forma durante o período em que o paciente referir dor no local a intervenção fisioterapêutica será necessária para reverter as sintomatologias presentes na DTM.

Autor: Egon Dörr / Acadêmico de Fisioterapia / Trainee de editorial no Blog da FisioWork

 

Deixe uma resposta